Aspectos psicológicos da Obesidade, dos distúrbios do sono e suas relações

A obesidade é uma consequente das mudanças no modo de vida da população: a cada cinco brasileiros, um está com sobrepeso. Ou seja, Índice de Massa Corporal (IMC) elevado. Quais são os principais aspectos psicológicos estão envolvidos?

A obesidade (doença crônica, considerada principal epidemia moderna) já afeta mais de 20% da população adulta do País, ou seja, milhões de brasileiros, conforme dados do Ministério da Saúde, isso em 2012. Ademais, cerca de 168 mil brasileiros morrem por ano em decorrência dessa doença, segundo a revista norte-americana “Preventing Chronic Disease”. Muitas vezes, os fatores psicológicos envolvidos como ansiedade, transtornos alimentares, fatores emocionais são desconsiderados e isso envolve outros problemas a exemplo dos distúrbios do sono.

A má qualidade do sono é um indicador de que o excesso de peso afeta outros aspectos do indivíduo. A obesidade e o sobrepeso (sim são conceitos distintos, embora relacionados) são dois agravantes nos distúrbios do sono, uma vez que provocam diferentes sintomatologias, como insônia, ansiedade, estresse, ronco e até apneia obstrutiva do sono, os quais comprometem a saúde integral do indivíduo.

Outros sintomas comumente associados ao sono ruim, são: fadiga, dificuldade de concentração, irritabilidade, alterações sensoriais, redução da imunidade, comprometimento expressivo das funções metabólicas, intelectuais e cognitivas, sobretudo, da memória e do aprendizado.

Pessoas que dormem mal tem indisposição, cansaço, dificuldade para se concentrar e se dedicar a um programa regular de atividade física, além de prejuízo nos níveis hormonais responsáveis pelas sensações de fome e saciedade. Outra característica presente nos insones é a ansiedade, que contribui para o “ataque” noturno à geladeira e o consequente ganho de peso.

Fica evidente os prejuízos ao sono e ao estado mental que a obesidade pode provocar, diante disso faz necessário uma articulação de vários profissionais de saúde para promover campanhas educativos de boa alimentação e saúde mental. Uma vez que, a obesidade pode estar relacionada tanto a aspectos hereditários quanto emocionais.

Fonte: https://www.hportugues.com.br/2019/03/obesidade-e-disturbios-do-sono/#:~:text=%E2%80%9CA%20obesidade%20e%20o%20sobrepeso,f%C3%ADsica%20e%20mental%E2%80%9D%2C%20informa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *